Soluções em Análises Clínicas e Saúde

Checkup Mulher

Checkup Mulher

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Quais são os exames que as mulheres devem fazer, a partir dos 20 anos, para checar a sua saúde?

Exames ginecológicos
Toda mulher, a partir da primeira menstruação, deve acostumar-se a ir ao ginecologista para exames de rotina. Os exames adequados para cada idade não só previnem doenças como esclarecem dúvidas, melhorando sua qualidade de vida.

Exame pélvico e teste de papanicolaou
Hoje, o câncer de colo de útero tem 100% de cura, se descoberto a tempo. Há dois tipos de exames capazes de detectar não só células malignas, mas infecções vaginais e doenças sexualmente transmissíveis: o exame pélvico, realizado pelo médico, no consultório, e o Papanicolaou, exame do esfregaço uterino por ele enviado para análise em laboratório. Esses exames devem ser feitos por:

  • o mulheres a partir dos 18 anos ou antes, se já mantiverem relações sexuais
  • mulheres que são ou foram sexualmente ativas, inclusive as idosas (anualmente)
  • mulheres que estão entrando na menopausa, que se tratam ou se trataram de câncer cervical (quatro vezes ao ano)

Auto-exame da mama e mamografia
Uma vez por mês, de preferência na hora do banho e após o período da menstruação, com o braço levantado, a mulher deve examinar, cuidadosamente, com as pontas dos dedos, as duas mamas. Se notar nódulos ou se houver secreção ao apertar os mamilos, deve procurar imediatamente o médico. Ele, certamente, solicitará uma mamografia. A mamografia é uma radiografia dos seios que, embora um pouco desconfortável, é o melhor exame para detectar câncer de mama. Usualmente, como medida preventiva, é recomendado a partir dos 35 anos. A partir dos 40 anos, a mulher deve fazê-lo a cada dois anos e, depois dos 50, anualmente.

Exames pré-natais
Mulheres que pretendem engravidar, ou em início de gravidez, devem submeter-se a uma série de exames, que dependerão de sua idade e de suas condições de saúde.

  • Exame físico completo.
  • Exame pélvico e teste de Papanicolaou.
  • Exame de sangue para determinar tipo sanguíneo e avaliar as taxas de colesterol, triglicérides e glicemia.
  • Exame de sangue para detectar anemia e rubéola.
  • Testes para pesquisar doenças sexualmente transmissíveis: hepatite B e HIV, anti HVC, herpes simples, citomegalovírus e toxoplasmose.

Mães com pressão alta e diabetes necessitam de vários ultra-sons para acompanhamento seguro da gestação. Gestantes com mais de 35 anos devem fazer o teste de risco fetal para detectar possibilidade de mongolismo e anormalidades do bebê.

Exames cárdicos

Teste de pressão arterial
A preocupação com a pressão arterial deve começar aos 28 anos de idade. Ela deve ser verificada pelo médico no início de cada consulta. Mulheres acima do peso ideal e com história familiar de pressão alta não se devem descuidar (consideram-se hipertensas as que apresentam pressão acima de 140/90).

Teste de colesterol e triglicérides
Derrame cerebral e ataque cardíaco podem ser causados por altos níveis de colesterol e triglicérides. É preciso, portanto, que a mulher pratique, regularmente, exercícios físicos adequados à sua idade, mantenha sua dieta alimentar baixa em gorduras e carboidratos e faça exames sanguíneos. Estes podem revelar algum problema nas artérias coronárias. O primeiro teste de colesterol e triglicérides deve ser feito aos 20 anos e repetido a cada 5. A partir dos 40 anos, os cuidados devem ser redobrados e as consultas médicas, mais freqüentes, pois as taxas podem aumentar abruptamente, causando sérias conseqüências.

Exames do Coração
O médico cardiologista pode pedir testes mais específicos, complementares aos anteriores, tais como:

  • Eletrocardiograma
    mede a atividade elétrica do coração.
  • Teste de esteira (eletrocardiograma de esforço)
    registra a aceleração das batidas do coração durante o exercício e a desaceleração logo depois.
  • Rastreamento nuclear
    detecta possíveis áreas danificadas do coração.
  • Angiocoronariografia
    examina as artérias coronárias.

Outros exames

Teste de DST
A mulher sexualmente ativa pode e deve fazer testes laboratoriais simples, mas muito úteis na prevenção e tratamento das doenças, transmitidas durante a relação sexual (clamídia, herpes genital, gonorréia, sífilis, hepatite B e AIDS). O seu parceiro também deve submeter-se a esses exames.

Exame de diabetes
O diabetes é uma doença silenciosa, que, no início, não apresenta sintomas, mas é capaz de causar muitos danos, pois provoca má circulação sanguínea. Em estado avançado, leva à cegueira, alterações renais e neurológicas. Mulheres hipertensas, com colesterol alto, assim como as que estão acima do peso, devem procurar o médico e solicitar exame de glicemia para medir a taxa de açúcar no sangue. Também é aconselhável um exame de urina, pois o rim elimina açúcar através dela. Dos 30 anos em diante, esses exames devem ser feitos a cada 3 anos.

Densitometria óssea
Osteoporose é uma doença degenerativa que afeta mais da metade das mulheres idosas, por falta de hormônios após a menopausa. Caracteriza-se pela perda óssea, que é a maior causa de fraturas de fêmur e de bacia na velhice. Densitometria óssea é um exame simples e indolor, que detecta o nível de descalcificação dos ossos, permitindo ao médico estabilizar a perda, por meio de medicamentos. Deve ser feito a partir dos 40 anos.

Editora responsável: Dra. Elisabete Almeida – drabetty@lincx.com.br

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Author Info

admin